Quando Implantar Gestão por Processos  no Transporte Rodoviário de Cargas

Quando Implantar Gestão por Processos no Transporte Rodoviário de Cargas

Ainda é percebido em alguns transportadores o desprezo por processos e seu perfeito alinhamento com seu sistema de Gestão, atuando tão e simplesmente nas rotinas operacionais, ou seja, fazendo a Transportadora girar a “todo” e qualquer “custo” .

Conhecer o que se faz e entender o que cada departamento ou colaborador executa é o dever e obrigação de cada gestor,  independente do seu Negócio ou área de atuação.

Porém, neste artigo iremos focar tão e somente no segmento de Transportes Rodoviário de Cargas, pois nos 18 anos de Consultoria em Gestão de Transportes Rodoviário de Cargas , faz com que percebamos que os anos passaram e pouco evolução houve no segmento no que tange a Processo.

Mas nem tudo está perdido, aos poucos  “também” estamos notando uma reação, onde os empresários do Transporte estão amadurecidos e  buscando a profissionalização do segmento. Existe também uma inserção cautelosa  da segunda ou terceira geração da família, onde estes já se encontram capacitados e forjados para uma gestão  profissionalizante.

Diante destas percepções  não vale aqui dizer que o método aplicado até então por  estes empresários bem sucedido no segmento durará para sempre, vale notar  o número de empresas que fecharam na última década,  o que em sua maioria tiveram crescimento exponecial, mas não conseguiram se manter no topo, onde ao longo de sua vida  aplicaram métodos e gestão pouco ortodoxa, nas quais levaram a empresas por caminhos sem volta, ou seja, chegando a falência ou Recuperação Judicial.

Em resumo, o que queremos abordar aqui não é  se  o método da Transportadora A ou B é  eficaz, e sim deixar claro que com bons métodos de Gestão e Gestão por Processos conseguiremos ir longe e saber realizar tomadas  de  decisões precisas , quando algum imprevisto ou variáveis externa ou interna acontecer.

Por que apostar em Gestão por Processos?

Acredito que o ano de 2020 ficará marcado para sempre na vida de todos ,  e sem sombra de dúvidas na vida dos transportadores onde verificamos que  neste ano pandêmico o segmento de Transporte foi um dos quais não pararam, com excessão daqueles transportadores  que eram atuante em segmentos específicos e tiveram que ser obrigados a parar momentâneamente por falta de produto a  transportar.

Mas afinal , como alguns  Transportador conseguiram reagir? É nesta reação de alguns transportadores que queremos focar ,  pois notamos habilidades em alguns destes transportadores  que conseguiram driblar a crise da baixa de falta de produto e outros da  alta demanda por novos negócios (sim novos negócios) .

Nos casos estudado por nós e acompanhado em matérias  do segmento da Logística de Transportes algo tinha em comum entre elas, todos possuiam habilidades em Processos, por mais que não possuíam Processos bem definidos, entendimentos de metodologia BPM e o conceito da aplicação da metodologia PDCA, intrissicamente todos conheciam seus  processos físicos e sua transcrição para o sistema de Gestão o tão falado e já abordado por nós o TMS (Sistema Gerencial de Transportes).

Sem dúvida, conhecer aquilo que se faz, conhecer o negócio em que se atua,  isso sim faz a total diferença. Nas abordagens de Consultorias de Gestão de Transportes por onde atuamos na grande maioria os Transportadores relutam em mudar suas rotinas  ou seus métodos de trabalho , fazendo sempre do mesmo jeito seus processoss  e muitas vezes nem sabem porque o fazem daquela maneira.

Sempre ratificamos  para os nossos  clientes que os processos não são estáticos , eles entram em mutação ao longo do tempo, por isso faz -se necessário em se  conhecer a tão falada e dissiminada metodologia PDCA (Planejar, Fazer, Checar e Agir)

Burocratizar ou Gestão por Processos?

Assim como existem lendas urbanas, existe uma lenda, um mito no segemento de  Transporte Rodoviário de Cargas , no que tange a Gestão de Processos .  A lenda existente é que se aplicar a Gestão por Processos  na empresa ela se tornará burocratizada, travada  perdendo agilidade nas rotinas operacionais e dinamismo  em sua logística.

Está falácia escutamos todos os dias, e  só conseguimos acabar com este mito quando mostramos cases de sucessos ou argumentamos fortemente que  Gestão por Processos não tem nada ver com somente documentar o que se faz.

Gestão por procesos vai muito além do que escrever o que cada um faz como faz e por que faz cada rotina, trabalhar por Gestão por processos é garantir com eficácia o que se faz  e ter o entendimento que o que se está fazendo tem apenas um objetivo atender com qualidade o cliente entregando sua mercadoria no Tempo Acordado , com qualidade, informação e custo acessível, nada mais é do que aplicar o conceito da Logística.

Por isso, trabalhar com processos é prazeroso e faz com que as empresas trabalhem com menos esforço e com uma qualidade superior até então encontrada antes da implantaçao por Metodologia por Processos.

A máxima em Gestão por Processos é   “Faça Mais com Menos”, todas as empresas que aplicam  a Gestão por Processos, conseguem aumentar sua qualidade de trabalho e diminui o estress de seus colaboradores, isso é mais do que maravilhoso em se tratando de um segmento como a Logística de Transportes. 

Como começar a trabalhar por Gestão por Processos?

Se é tão bom a Gestão por Processos  como o Transportador pode aplicar esta Gestão em sua Transportadora?

A escolha por uma boa implantação de Gestão por Processos começa no entendimento do querer do Empresário e seus Líderes, se estes não entenderem o que é Gestão por Processos, lamento dizer, mas a mudança de Cultura de Gestão por Operação por Gestão por Processos, não terá efeito ou sucesso.

Se todos apoiarem e decidirem apostar no incremento por Gestao por Processos, o resto é  escolher uma boa consultoria de Gestão por Processos (atuante no segmento de Transportes), ou a contratação de um profissional com uma vasta experiência em Gestão por Processos no segmento de Transportes Rodoviário de Cargas, sou enfático em salientar que deva ter experiência no segmento para o projeto não ser oneroso ou desprender tempo maior do que a paciência do empresário lhe permita.

Entre contratar um profissional ou contratar uma empresa de consultoria em processos,  aqui não existe o ideal, porém reintero que ambos deva ter o conhecimento no segmento, entender de projetos e boa capacidade de interlocução e liderança, pois o desafio do segmento é grande e não permite erros .

Entendo no entanto que toda empresa deva investir em capacitação, assessoria e consultoria, por mais que seu time seja treinado e apto, quando possuímos um terceiro observando nosso comportamento de fora, a tendência em tornar o projeto em um case de sucesso é muito grande.

Dessa forma, desejamos que todos as Empresas de Transportes façam sua escolha com relação ao fornecedores, seja ele na contratação de um colaborador ou de uma consultoria e que saiba interagir com estes e aposte nas mudanças e tenham entendimento que  ruídos aconteceram, mas que no final todos irão brigar e lutar pela mesma causa, a qualidade para o cliente e também “Lucro Empresarial”, pois processos bem definidos se transcende em Lucratividade.

 

Resumindo

Gestão por Processos  deve ser encarado como uma necessidade, todos deverão ter o entendimento que qualquer mudança neste âmbito é para o bem da empresa e principalmnte daquela entidade que fomenta todo elo de  nossa cadeia produtiva, ou seja, nosso cliente e consequentemente o maior patrimônio de uma empresa os colaboradores.

Com processos alinhados garantimos que nossos colaboradores tenham qualidade no dia a dia do trabalho e satisfação em trabalhar.

Consequentemente isso tudo traduz em uma única palavra, e  que todo empresário gosta de ouvir  L U C R O.

Mauro Reis

De formação acadêmica em Tecnologia da Informação virou um entusiasta e apaixonado por logística, com vários MBA e Especialização na área, nos últimos 20 anos seu foco foi trabalhar em Logística de Transportes, gerenciando projetos de Tecnologia da Informação e Logística, em empresas de Médio e Grande Porte com sedes no Brasil e América do Sul (Argentina, Paraguai e Chile). Nos últimos 10 anos fundou a ITLoger Soluções em Logística e Tecnologia da Informação, empresa que ajuda seus clientes a aumentarem seus Lucros através de Gestão e Alinhamento de Processos.

Deixe uma resposta